Ciência e Sabedoria: As passagens sobre as “impurezas”

 Quando eu era criança, as Escrituras “impuras” eram ensinadas alegoricamente como paralelos para o pecado. Eu ficava feliz por não ter nascido na época do Antigo Testamento, porque andar pelas ruas gritando “eu sou impuro.,” e passar um dia fora do acampamento, parece um tratamento bem severo para pequenas infrações. Com essa interpretação alegórica, alguns ficaram com a noção de que talvez as mulheres fossem mais impuras que os homens. Eu creio que isso vem do ensinamento de que uma mãe era considerada impura, por mais tempo, depois do nascimento de uma menina que depois do um nascimento de um menino’. Esse conceito das mulheres serem mais impuras ficou vinculado à idéia de que Eva pecou primeiro, portanto, as mulheres são mais propensas ao erro que os homens. De um modo geral, era um ambiente austero para as mulheres. No entanto, as Escrituras “impuras” não são alegorias, elas são históricas e, o mais importante, eram orientações pragmáticas fornecidas por Deus para a Saúde Pública. Essa lista de tudo aquilo que o Pentateuco diz sobre tudo o que tornaria você impuro é bastante esclarecedora:

ciencia 5 - aguas do mar

O que a Bíblia fala sobre Ciência

•Tocar qualquer coisa que seja despojo de Guerra – Dt. 13:15-16.

•Tocar um esqueleto humano ou em uma sepultura – Nm. 19:16.

•Tocar ou ficar na presença de um cadáver – Nm. 19:11.

•Tocar o fluxo proveniente da menstruação de uma mulher – Lv. 15: 19,25.

•Tocar as impurezas provenientes do sêmen de um homem – Lv. 15:2,16.

•Tocar um homem com sangramento pelo corpo ou tocar sua saliva – Lv. 15:7-8.

•Tocar a cama ou assento usados por um homem com sangramento – Lv. 15:4,9.

•Tocar as impurezas provenientes da polução noturna de um homem – Dt. 23:10.

•Tocar impurezas humanas (urina e fezes) – Lv. 5:3.

•Tocar qualquer coisa que tenha se encostado nessas coisas – Lv. 7:21.

•Tocar a cama ou cadeira usada por uma mulher menstruada -Lv. 15:20-21.

•Tocar ou ter alguma doença na pele ou erupção cutânea – Lv. 13:2-3.

•Tocar ou ficar exposto ao mofo – Lv. 13:59.

•Tocar o sangue dos sacrifícios (caso você fosse um sacerdote) – Nm. 9:7.

ciencia biblia ensina 3 - aguas do mar

Ciência: Apontamento de Vida Sobrenatural

Essa lista nos ensina muitas coisas. Primeiro, parece que os homens têm mais chances de se tornarem impuros do que as mulheres. Segundo, parece que o pobre sacerdote vai ser o mais impuro de todos. Terceiro, nada disso é relacionado a assuntos espirituais. Tudo é sobre higiene. Deus está ensinando sobre prevenção de doenças e sobre Saúde Pública. Quando Ele diz, “se obedecerem minhas leis, vocês não terão nenhuma das doenças das nações que os cercam,”Ele não está dando nenhuma fórmula para magia espiritual. Ele está ensinando sobre a prevenção de doenças contagiosas, e isso, aproximadamente 3.800 anos antes do homem descobrir os germes.

Ele está ensinando sobre a prevenção de doenças contagiosas, e isso, aproximadamente 3.800 anos antes do homem descobrir os germes.

Foi só no Século XVII que aprendemos que existem micróbios e vírus que podem ser transmitidos de uma coisa para outra, causando doenças. Até a década de 90 do Século XX, não tínhamos entendido por completo que, os maiores transmissores virais são os fluídos do corpo humano. Foi preciso haver uma epidemia de AIDS para que a extensão da avançada sabedoria de Deus fosse revelada. Na África, que é 80% evangelizada, 01 em cada 04 pessoas, talvez até mais, estão morrendo de AIDS. Qual seria essa estatística se acrescentássemos as outras doenças que também estão tirando as vidas das pessoas naquela região? Onde está a influência bíblica que gerou as nações mais saudáveis e cientificamente avançadas do mundo? Lembre-se de que, quando o Evangelho chegou à Europa, os europeus eram os “imundos pagãos” com os quais as nações desenvolvidas do Oriente Médio não queriam se misturar. O que produziu as anti-sépticas Suíça, Alemanha e Escandinávia? As culturas e as mentes desses povos foram transformadas por um Evangelho que não lidava somente com a conversão das almas, já que, a mensagem que receberam, lidava com todas as áreas da vida. Era um Evangelho que trazia saúde física, como também, comunhão com Deus.

George Kinoti comenta: “a África está infestada por inúmeras doenças. As mais sérias são as doenças contagiosas, que são curáveis e evitáveis. Um exemplo óbvio é a malária, que causa um sofrimento incalculável na África e leva algo em torno de um milhão de vidas africanas por ano. A malária já foi uma das principais doenças nas regiões mais quentes da Europa e dos Estados Unidos, mas, a melhoria nas condições de moradia acabaram com ela”. Dois-terços do mundo estão desesperados por um Evangelho assim. Quem irá? Como saberão se ninguém lhes contar?

Cura Divina: Um aprendizado…

Uma jovem mãe com duas crianças abaixo dos quatro anos de idade conversava comigo em um restaurante da Nova Zelândia… Ela tinha recém-descoberto que um perigoso tumor nos gânglios linfáticos aparecera em seu corpo alguns meses após ela pensar que estava completamente curada de um câncer. O prognóstico não era bom. Ela me perguntou:

“— O que você pensa sobre cura divina?”

Todo o meu ser queria dar aquelas populares respostas carismáticas ou evangélicas como: “Pelas Suas feridas somos curados”; “reivindique isso e creia!”. Eu queria lhe dar a versão que tem o final feliz, mas eu tinha estudado a Bíblia por tempo demais e sabia que não é somente isso o que ela ensina. As Escrituras não ensinam que se crermos em Cristo nunca ficaremos doentes, ou que se tivermos fé suficiente, seremos curados e nunca morreremos! Você pode encontrar versículos isolados que parecem ter esse significado, mas não é o que estão dizendo, porque, eles não fazem sentido quando comparados com muitas outras passagens. Jesus morreu e Paulo tinha uma indisposição física que Deus não curou, mesmo quando Paulo orou por três vezes”. Lázaro foi ressuscitado dos mortos e depois morreu novamente. Com um coração pesado, eu respondi à minha amiga que a Bíblia deixa claro que milagres acontecem, mas eles são exceções, e não regra.

ciencia biblia ensina 2 - aguas do mar

Os milagres são intervenções espetaculares de Deus para o Seu propósito, mas eles nunca serão a norma. Podemos sempre orar e pedir a Deus por cura,mas a mensagem do Evangelho é que, na morte, o inimigo das nossas almas é finalmente derrotado,não que nessa vida nunca morreremos. Vivemos em um mundo pecaminoso e doenças são uma realidade. Nossos corpos mortais estão envelhecendo. Podemos aprender a viver mais sabiamente e tratar das doenças com prevenção e cura, mas iremos todos morrer. Qual é então nossa esperança? Nossa esperança é que, através de Sua morte, Cristo venceu o Mal. No exato momento que Satanás pensa ter nos vencido, no ponto da morte, recebemos um corpo imortal e não corrompido pelo pecado. A cruz removeu o aguilhão da morte, não a morte em si. Jó nos revela que o inimigo de Deus pode nos tentar dolorosamente com doenças e crises, mas revela também, que Satanás não pode tomar nossas vidas quando pertencemos a Deus. A questão é quando vamos morrer e não se vamos morrer.

O pensamento de muitos cristãos, hoje, é de que não deveria haver sofrimento no mundo, não deveria haver morte, deveríamos ter o paraíso agora. Citando o Dr. Kinoti mais uma vez, tem-se que “a religião… capacita muitos a fugir da realidade. Os cristãos…as vezes usam sua fé como narcótico para fugir da dor, da feiúra, das dificuldades, da dura realidade do mundo em que vivemos”. O autor está falando especificamente sobre os cristãos da África. Mas, esse não e um problema somente da África, é um dos grandes problemas do pensamento evangélico, pentecostal e carismático no último século e meio. Nós nos deixamos levar por uma crença de que a salvação nos liberta de viver no mundo material. Mas, salvação não faz isso. Ao sair do restaurante com minha amiga, eu desejava lhe dizer algo que pudesse confortá-la, mas que fosse verdadeiro. Coloquei meu braço ao redor dela e falei:

“— Isso é o que eu sei. Se você sobreviver, será purificada como ouro depois dessa experiência. Se morrer, você estará na presença de Jesus e será feita perfeita como Ele. De qualquer forma, você não vai sair perdendo!”

Dias depois, fui ao seu funeral sabendo que eu lhe havia confortado com a Verdadeira Palavra.

 

Clique Aqui – Princípios sobre Ciência III

 

Gostou deste artigo?
Cadastre-se agora e receba nossas atualizações. Seu email nunca será compartilhado.
Aproveite e Compartilhe agora este artigo nas suas redes sociais.
Powered by Optin Forms
Compartilhe
Casado com Priscila Reis com quem tem 3 lindos filhos. Cristão, Economista. Gosto de música, viagens, e de ler. Saiba mais AQUI.

Deixe uma Resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here